Audiências públicas virtuais reúnem entidades com Lucas de Brito durante a pandemia

0 263

Apesar da suspensão das atividades presenciais na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) desde o mês de março, o vereador Lucas de Brito (PV) tem conseguido reunir, de modo virtual, diversas categorias para debater assuntos de interesse coletivo. O parlamentar da Capital paraibana explicou que a proposta é não deixar temas relevantes perderem o espaço de discussão no legislativo em virtude da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Lucas destacou vários projetos de sua autoria que foram elaborados ou discutidos durante o período de teletrabalho, nos últimos cinco meses, e muitos resultaram dessas audiências realizadas por videoconferência. Entre eles, um texto base que pede o cumprimento da Lei Federal nº 12.244, da universalização das bibliotecas, que deveria ter sido implementada até o último mês de maio.

Além de prever a instalação de bibliotecas municipais, a legislação permite que os profissionais bibliotecários consigam exercer suas atividades na cidade. “Não há desenvolvimento sustentável para o Brasil que não passe pela educação”, frisou o parlamentar, que abriu um prazo para recebimento de sugestões a uma minuta de projeto que será formalizada junto aos órgãos de controle para cobrar o cumprimento da norma.

Outro tema destacado por Lucas foi a integração dos refugiados venezuelanos que estão presentes na Capital paraibana. O vereador lembrou que o Brasil tem recebido um grande número de pessoas diariamente e que João Pessoa acabou sendo escolhida por vários refugiados em virtude da cultura de acolhimento presente na população. “Mas se não houver políticas públicas voltadas para conferir o mínimo de dignidade, elas vão aumentar o número de pessoas em situação de rua e vulnerabilidade”, alertou.

Lucas de Brito ainda se reuniu com nutricionistas da cidade que cobraram a implementação de políticas públicas voltadas ao setor e a inserção dos profissionais nas unidades básicas de saúde, reconhecendo que o estímulo à alimentação saudável pode evitar a propagação de várias doenças. Do mesmo modo, o vereador também participou de uma teleconferência com entidades do trade turístico preocupadas com a demora na retomada do setor por conta da pandemia.

“Todos esses encontros resultaram em ações concretas do nosso mandato em favor das categorias e, consequentemente, da população. Sabemos que o período de pandemia nos colocou diante de um cenário atípico, mas precisamos agir para que mais pessoas não sejam prejudicadas”, avaliou o vereador. Apesar do retorno gradual das atividades na CMJP, com previsão para o próximo mês, os encontros virtuais devem continuar ocorrendo seguindo as recomendações das autoridades de saúde para evitar aglomerações.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.