João condiciona antecipar 13º a repasses do Governo Federal

0 70

O governador João Azevêdo (Cidadania) anunciou que está estudando a possibilidade de antecipar a primeira parcela dos 13º dos servidores públicos estaduais. A informação foi passada em entrevista concedida, na segunda-feira (15).

Para a antecipação do pagamento do 13º, João explicou que depende do repasse de recursos do Governo Federal, para auxiliar os estados com ajuda financeira, durante a pandemia do novo coronavírus, que será repassado até o mês de agosto.

“A questão que se levanta agora é o que vai acontecer quando setembro chegar? Pois não vai ter mais ajuda do Governo Federal”, comentou.

João também afirmou que o planejamento para realização de mais um concurso público na área de educação continua em andamento. A perspectiva é que sejam oferecidas mil vagas.

“Nós chamamos as pessoas e muitos já estão trabalhando, por isso ainda veja a possibilidade de mantermos o concurso deste ano, como está programado”, arrematou.

ParaíbaJá

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.