Deputada defende criação de “banco de dados” de condenados

0 3

A deputada federal Edna Henrique (PSDB-PB) apresentou o Projeto de Lei 533/19 que trata sobre a divulgação de informações relacionadas a pessoas condenadas ou com mandado de prisão expedido e não cumprido, relativamente a infrações penais diversas daquelas de menor potencial ofensivo. A divulgação deverá ser realizada pelo Poder Judiciário na rede mundial de computadores.

Na proposta, a parlamentar diz que deve constar do cadastro: nome, foto, crime cometido, pena aplicada e datas de expedição do mandato ou da fuga do condenado, da mesma forma em relação às pessoas que estão com mandados expedidos e não cumpridos.

Qualquer cidadão terá acesso a essas informações e também as polícias civil e militar, conselhos tutelares e integrantes do Ministério Público e poder judiciário.

A deputada que é delegada da Polícia Civil acredita que este tipo de divulgação ajuda a alertar a população e identificar os procurados e condenados.

A proposta da deputada Edna Henrique tramita na Câmara Federal em caráter conclusivo pelas comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado; e Constituição e Justiça e de Cidadania.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.