Marcos Vinicius não agrada vereadores e Corujinha segue tranqüilo para assumir presidência da CMJP

0 136

A tão comentada possibilidade de virada de mesa na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) para anular eleição antecipada de João Corujinha (DC) para presidir a Casa de Napoleão Laureano no biênio 2019/2020 não deve acontecer.

Em janeiro de 2017, o vereador Marcos Vinicius (PSDB) foi eleito presidente, em eleição casada com Corujinha, e muito se especulou, nos bastidores da imprensa e política paraibana, sobre a possibilidade de reviravolta.

Em agosto do ano passado, o vereador João Almeida (SD), não se sabe se com a conivência de Vinicius, ensaiou a tentativa de virada de mesa, protocolando um pedido de anulação da eleição da Mesa Diretora da CMJP, que elegeu – de forma antecipada – João Corujinha.  Almeida justificou a ação alegando que “houveram alguns atropelos regimentais e jurídicos, para não dizer até morais”. No entanto, até a presente data o recurso não prosperou.

Recentemente, em contato com o blog, alguns vereadores afirmaram que não existe a menor possibilidade de acontecer virada de mesa, sobretudo pelo fato de Marcos Vinicius não ter honrado compromissos com diversos parlamentares.  A postura do atual presidente desagradou boa parte do colegiado de vereadores, que não aceitam “comprar briga” para derrubar uma decisão soberana do plenário e anular a eleição de Corujinha em prol de um novo mandato para Vinicius.

Silente em todo o processo de especulações, Corujinha segue tranqüilo e confiante em assumir a presidência do Legislativo municipal a partir de janeiro de 2018. Inclusive, já iniciou processo de transição para assumir o comando da Mesa Diretora.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.