Em nota, Roberto Santiago nega integrar organização criminosa

0 183

Denunciado pelo Ministério Público Estadual (MPPB), por suposto envolvimento num esquema de corrupção na administração pública de Cabedelo, o empresário Roberto Santiago,dono dos Shoppings Manaíra e Mangabeira, em João Pessoa, divulgou nota a imprensa, nesta quinta-feira (10), na qual seus advogados afirmam que ele não cometeu nenhum ilícito.

Na última terça-feira (07), o MPPB denunciou Roberto Santiago e mais 25 pessoas por integrarem uma suposta organização criminosa, desvelada pela Operação Xeque-mate, deflagrada em abril passado, para apurar diversos crimes na administração pública da cidade de Cabedelo, no Litoral Norte paraibano, como desvio de recursos públicos através da indicação de servidores “fantasmas”; corrupção ativa e passiva; fraudes a licitações; lavagem de dinheiro; avaliações fraudulentas de imóveis públicos e recebimento de propina para aprovação ou rejeição de projetos legislativos.

Confira a nota abaixo

Nota à imprensa

Tendo em vista os fatos veiculados recentemente pela imprensa sobre a inclusão de Roberto Santiago em denúncia oferecida pelo Ministério Público, os advogados do empresário vêm reafirmar que seu cliente jamais praticou qualquer ato ilícito, o que demonstrarão cabalmente em juízo no momento oportuno.

Roberto Santiago e seus defensores seguem confiando plenamente que o Poder Judiciário reconhecerá a improcedência dessas acusações.

Pedro Luiz Bueno de Andrade
Armando Mesquita Neto

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.