Filiado ao PV, Cartaxo já admite irmão como pré-candidato ao Governo da Paraíba

0 158

Novo filiado do Partido Verde, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, em entrevista à TV Diário do Sertão nesse final de semana falou sobre o futuro político do seu grupo. A declaração foi dada ao repórter e conterrâneo do prefeito, Levi Dantas.

Natural da cidade de Sousa, Luciano Cartaxo disse ter um carinho imenso pela cidade, onde nasceu e firmou raízes.

Ao falar das eleições de outubro próximo, o prefeito da capital voltou a afirmar que está fora da disputa, mas pela primeira vez admitiu que o irmão, Lucélio Cartaxo é o nome cotado para encabeçar a chapa majoritária.

“Sem dúvida alguma nós vamos estar juntos nesse processo eleitoral, e quem sabe Sousatambém não ganhe um governador”, revelou Cartaxo.

PV
Presidente do PV na Paraíba, o prefeito declarou que o partido não vai ficar a ‘reboque’ de ninguém, quando fo perguntado sobre apoios para as eleições de 2018. A declaração ocorreu durante abertura do Encontro das Cidades Criativas Brasileiras da Unesco (ECriativa) em resposta à relação da sigla, que integrava a base de sustentação política do governador Ricardo Coutinho, com o Governo.

Sousa
Sousa já teve um governador, o saudoso Antonio Maques da Silva Mariz, que faleceu e quem assumiu o cargo foi seu vice, o atual senador Maranhão (MDB). Foi advogado, promotor de justiça e político brasileiro. Durante sua carreira política, foi prefeito de Sousa (1963-1969), deputado federal pela Paraíba por quatro mandatos, senador (1991-1994) e governador da Paraíba de 1 de janeiro de 1995 até 16 de setembro de 1995, quando morreu. O maior desafio de Mariz como senador foi relatar o processo de impeachment do ex-presidente Fernando Collor na Comissão Especial do Senado Federal, em 1992.

Fonte Portal Diário
você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.